50 Coisas que Precisa de Saber antes de Viajar à Bulgária

Está a planear visitar a Bulgária? Não se preocupe pois aqui temos tudo o que precisa de saber antes de ir à Bulgária. Nesta lista de 50 dicas de viagem sobre a Bulgária cobrimos tudo desde como são as pessoas até aos fatos mais interessantes sobre o país e o povo. Vamos também ajudá-lo a descobrir os melhores destinos, o que comer, as melhores formas de viajar e claro, quanto tudo isto custará (vai ficar surpreendido – nós ficamos!) 

Assim, este é o nosso guia de viagens, com as 50 coisas que precisa de saber antes de viajar à Bulgária

A Bulgária e os Búlgaros

#1 Onde fica a Bulgária? A Bulgária está localizada no Sudeste Europeu, na zona dos balcãs. É banhada pelo mar negro e faz fronteira com a Roménia (a norte) Sérvia e Macedónia (a oeste), e com Grécia e Turquia (a sul).

#2 A Bulgária é um estado membro da UE desde 2007, no entanto não faz (ainda) parte da zona Schengen. Isto significa que para entrar na Bulgária é necessário atravessar uma fronteira real onde tem de mostrar identificação (mesmo sendo de um país da UE). De qualquer forma, os requerimentos legais para a Bulgária são semelhantes ao do resto dos países da UE. Veja aqui todos os detalhes.

Bulgária Dicas de Viagem

#3 A Bulgária é o país mais pobre da União Europeia. Apesar do elevado crescimento nos últimos anos, isto ainda é bastante visível em algumas infraestruturas. Além do mais, existe alguma pobreza visível, como pedintes e sem abrigo. Existem também alguns idosos a vender flores (e algumas outras coisas) na rua, o que nos parte o coração. Não é tão grave como na Geórgia e na Arménia, mas é ainda assim surpreendente de ver num país da UE.

#4 O clima na Bulgária é semelhante ao da Europa Ocidental, com invernos frios e húmidos e verões quentes e secos. Assim, as estações do ano são bastante definidas na Bulgária. No inverno é habitual nevar, especialmente nas montanhas, enquanto que no verão as temperaturas ultrapassam regularmente os 30º, fazendo com que a zona do Mar Negro seja um óptimo destino de praia.

Sunny Beach in Bulgaria

#5 Cerca de ⅓ da Bulgária está coberta por floresta, o que não é uma surpresa pois o país é bastante montanhoso, com mais de 40 montanhas. Assim, é natural que seja também um bom destino para ski, montanhismo e trails. Por outro lado, o resto do território é composto por imensas planícies onde se produz sobretudo milho e girassol.

Hiking the Rila National Park

#6 O Búlgaro é completamente ininteligível para estrangeiros e, para piorar a situação, na Bulgária usa-se o alfabeto cirílico. É completamente impossível ler ou perceber alguma coisa quando está escrito em Búlgaro, nem mesmo o nome dos lugares ou cidades.

#7 Apesar de os Búlgaros falarem pouco inglês, especialmente os mais idosos, é ainda assim melhor língua para se comunicar. Por outro lado, nas zonas turísticas é mais fácil encontrar quem fale inglês e assim comunicar. Em último caso, apontar e fazer gestos é uma forma global de nos fazermos entender.

#8 Apesar destas dificuldades de comunicação irão facilmente aperceber-se que os Búlgaros são normalmente simpáticos e atenciosos com os viajantes, tentado sempre explicar correctamente as coisas e dar informações corretas. Mais, eles querem que nós gostemos da Bulgária, o que nos faz sentir bem vindos ao país.

Everything you need to know before going to Bulgaria

#9 Enquanto estiver a visitar a Bulgária e a lidar com os locais ha mas uma coisa que rapidamente se irá aperceber… eles e elas são… agradáveis à vista. As Búlgaras em especial são extremamente atraentes.

#10 A Bulgária moderna fica situada na mesma região onde ficava a antiga civilização da Trácia, antes de serem conquistados pelo império Romano e pelo Otomano. Os trácios eram famosos pela produção de ouro, por serem guerreiros bravos e pelo gladiador Spartacus. Ainda hoje é possível encontrar mais de 15 000 túmulos trácios espalhados pela Bulgária.

Thracian Tomb Bulgaria

#11 A Bulgária é o maior produtor mundial de óleo de rosas, produzindo mais de 80% do óleo de rosas e águas de Rosa do mundo. Todo este óleo é produzido apenas numa pequena região chamada de Vale das Rosas. Além da elevada quantidade produzida é também considerado o melhor óleo de rosas do mundo.

O óleo de rosas e em particular a Água de rosas são um excelente souvenir para trazer e oferecer a familiares e amigos.

#12 É seguro viajar na Bulgária? Numa única palavra, sim. É bastante seguro viajar pela Bulgária. No entanto, e como em qualquer lugar do mundo, algumas pessoas querem tirar partido dos viajantes mais distraídos e por isso os crimes mais comuns são carteiristas, roubo de esticão e outros crimes semelhantes. A criminalidade violenta é rara (e ainda mais com turistas), mas também existe. 

Relativamente a este tema, temos de referir que nunca experienciamos qualquer tipo de problema aquando das nossas viagens e que sempre nos sentimos perfeitamente seguros.

Golden Sands Beach in Bulgaria
Golden Sands Beach

#13 Uma coisa que a Bulgária necessita rapidamente de melhorar é no lixo. Notamos especialmente a quantidade de cigarros no chão em todo o lado, e especialmente nas praias! Sinceramente não conseguimos perceber se eram os turistas ou os locais a fazer isto, mas é realmente uma coisa que tem de ser melhorada. É um país naturalmente lindo e não há nenhuma razão para não cuidar melhor dele e mantê-lo limpo.

Traveling to Bulgaria Tips

Onde viajar na Bulgária?

#14 A Bulgária tem 10 locais da UNESCO, 7 dos quais culturais e 3 naturais. Veja aqui quais são estes locais e aprenda mais sobre eles.

Plovdiv Coliseum, Bulgaria

#15 O Turismo na Bulgária tem crescido bastante nos últimos anos. A costa sempre foi bastante popular entre os veraneantes do leste europeu, mas ultimamente há cada vez mais ocidentais na Bulgária.

Veja aqui as nossas 15 coisas para fazer na Bulgária!

#16 Ao longo da Costa Búlgara existem bastantes praias para se escolher, mas felizmente elas não são muito longe umas das outras e é assim possível visitar várias durante as mesma férias. As duas maiores cidades da costa são Varna e Burgas e perto de cada uma delas existem imensos resorts de praia.

#17 Varna é a terceira maior cidade da Bulgária e tem algumas belas praias urbanas. É um bom lugar para se parar durante alguns dias numa viagem de carro. No entanto, se procura um resort turístico o melhor será ir um pouco mais a norte para a praia/resort de Golden Sands. Lá encontrará uma excelente praia, muitos restaurantes, bares e tudo o que normalmente se encontra nestes sítios.

Varna Beach
Praia de Varna

#18 Por outro lado, Burgas tem uma frente de mar bonita, com belos parques e um centro urbano cheio de ruas pedonais. Nós achamos que a praia urbana de Burgas é um pouco melhor do que a de Varna e surpreendentemente com pouca gente. Quer dizer, tem gente, mas seria expectável que tivesse bastante mais. Além do mais, Burgas tem uma outra vantagem sobre Varna, fica muito mais perto de Nessebar e Sozopol.

Burgas Beach
Praia de Burgas

#19 Tanto Nessebar como Sozopol são antigas cidades portuárias construídas em penínsulas rochosas com o Mar Negro à volta. No entanto, Nessebar é mesmo junto ao enorme resort de Sunny Beach e é por isso imensamente turístico, Sozopol é alguns quilómetros a sul de Burgas e por isso um pouco mais calma. De qualquer forma, ambas são muito fixe.

Top attractions in Bulgaria, Nessebar
Nessebar

#20 As praias da Bulgária são em geral bastante bonitas e agradáveis e definitivamente merecem alguns dias para se usufruir delas, relaxando, nadando e aproveitando as festas. Mas, nós recomendamos que dê também uma hipótese ao interior da Bulgária pois tem cidades antigas, fortalezas, mosteiros, quedas de água, lagos e montanhas que não esquecerá facilmente. 

#21 Veliko Tarnovo é um desses lugares, foi a capital do segundo império Búlgaro e foi construída num lugar único. Todo o cenário à volta de Veliko Turnovo é incrível e a ruas inclinadas e em paralelos dão à cidade um charme irresistível. Mas o que torna Veliko Tarnovo realmente um local a não perder é o Tsarevets, uma fortaleza e palácio medieval construído numa montanha.

Visit Veliko Tarnovo fortress

#22 Plovdiv, por outro lado, é uma das mais antigas cidades do mundo, com uma história que se espalha por quase 8 milénios. A cidade antiga de Plovdiv é muito agradável, com ruas apertadas e cheia de edifícios históricos. No entanto, é uma cidade muito maior (a segunda maior da Bulgária) e com muitas coisas para fazer, sendo inclusivé a capital europeia da cultura em 2019.

Visit Plovdiv in Bulgaria
Plovdiv

#23 Tanto Plovdiv como Veliko Tarnovo são uma excelente base para viagens de um dia ao vale das rosas e a alguns dos principais túmulos trácios. O túmulo trácio de Karlovo é um sítio UNESCO, mas existem outros relativamente perto. Notem que esse túmulo que é património da UNESCO está vedado a visitantes. É apenas possível visitar uma réplica exacta construída ao lado.

Por outro lado notem que o vale das Rosas é só um destino realmente interessante durante a época das rosas, que é entre Maio e Junho. Durante o resto do ano, praticamente não é possível ver rosas. Além das Rosas, Karlovo não é uma das cidades mais interessantes da Bulgárias.

Rose Valley off season, Bulgaria
Rose Valley em época baixa – sem rosas

#24 Sofia, a capital e maior cidade da Bulgária está localizada na zona este do país. Não é a cidade mais excitante da Europa mas ainda assim tem algumas atrações impressionantes como a Catedral Alexandre Nevski, a Sinagoga, o Mercado, e a antiga igreja Boyana, a apenas 5 quilómetros. 

Alexandar Nevski Cathedral Sofia
Catedral Alexandre Nevski

#25 Acreditem ou não, deixamos a nossa parte favorita da Bulgária para o fim, o parque nacional de Rila com o Mosteiro de Rila e os 7 lagos de Rila.

O Mosteiro de Rila foi uma das grandes surpresas da Bulgária. Nós sabíamos que era bonito e tínhamos expectativas elevadas, mas ainda assim ficamos maravilhados tanto com o mosteiro como com todo o cenário em volta. Os 7 Lagos de Rila e o teleférico para os lagos são uma óptima forma de tirar partido das montanhas e da sua beleza. Caso tenha tempo, esta é uma das melhores regiões da Bulgária para fazer caminhadas.

Rila Lake in Rila National Park
Parque Nacional de Rila – Um dos famosos Lagos

O que comer na Bulgária?

#26 Se há uma coisa na Bulgária que é bem acima da média, é a sua comida. Isto pode ser surpreendente, pois não é uma cozinha conhecida internacionalmente, mas nós ficamos maravilhados com as iguarias búlgaras. Os ingredientes usados são realmente bons. Os tomates, os pepinos, o queijo, o iogurte, e ainda o peixe foram alguns dos melhores que já comemos.

Shopska Salad, Bulgaria
Salada Shopska

#27 Além de ser extremamente saborosa a Comida Búlgara é também bastante saudável, pois existe uma enorme variedade de saladas. A nossa favorita (e de praticamente toda a gente) é a salada Shopska feita com tomates, pepinos, chalotas, pimentos, Sirene (queijo branco típico) e salsa. É tão simples como maravilhosa. O melhor é que essa salada está disponível em praticamente todos os restaurantes na Bulgária.

Veja aqui o nosso guia completo sobre a Comida na Bulgária.

#28 Além das saladas, existem também uma enorme variedade de sopas. Existem bastantes sopas semelhantes às Europeias e Portuguesas. Mas, entre estas, temos de destacar duas iguarias locais, a Tarator a e Shkembe, principalmente porque são únicas e por isso mesmo é obrigatório experimentar.

Tarator é uma sopa de iogurte e pepino… Soa bastante estranho, mas pensem no Tarator como uma versão mais aguada do molho grego Tzatziki. É muito fresco e um dos pratos favoritos dos Búlgaros para o verão.

Tarator Soup, Bulgaria
Tarator

Shkembe is uma sopa de tripas com um sabor muito forte e picante. É normalmente comida em combinado com uma malga de sal, alho e vinagre.

Shkembe tripe soup

#29 O Iogurte búlgaro é suave, cremoso e delicioso. É inclusive muitas vezes considerado o melhor iogurte do mundo porque utiliza apenas a combinação de duas estirpes: Lactobacillus Bulgaricus e Streptococcus Thermophilus. O iogurte é uma das bases da comida búlgara e é utilizado e comido em praticamente tudo… (até em sopas…:) ) é definitivamente algo que necessita de experimentar, e provavelmente repetir várias vezes.

#30 Não esperava comer peixe na Bulgária… Gosto muito de peixe fresco, mas sinceramente normalmente não experimento muito em refeições de peixe. No entanto, após ver tantas informações na estrada para Rila sobre a truta grelhada, decidi arriscar e foi uma excelente decisão. Truta grelhada em Rila era muito boa.

Depois disso, descobri que quem gosta de peixe, vai apreciar a Bulgária. O robalo e o pargo grelhado, o scat frito (parecido com jaquinzinhos), o salmonete, os calamares, ou eram muito bons ou excepcionais… 

Eat Trout in Rila National Park

#31  Um dos pratos mas famosos dos balcãs (e da Bulgária) é o Kebapche, que basicamente é carne picada com especiarias grelhada em formato cilíndrico (forma parecida com um hot dog). A carne usada pode ser porco ou vaca e as especiarias mais usadas são pimenta, cominhos e sal. Se gosta de cominhos, vai adorar o Kebapche. Note que o Kyufte é muito parecido o Kebapche, mas tem formato arredondado (como uma almôndega) e inclui cebolas e salsa.

What to eat in Bulgaria

#32 Por último temos o banitsa, o mais famoso pastel dos balcãs. Já tínhamos comido a versão croata do Banitsa, mas a Búlgara não desapontou. É muito fácil reconhecer o Banitsa devido à sua forma em espiral.

Best pastry of Bulgaria, Banitsa

O Banitsa é feito com ovos, massa filo, com recheio e depois cozinhado no forno. O recheio tanto pode ser doce (maçã, nozes, abóbora doce) como salgado (espinafres, alho francês, repolho).

Quer saber mais sobre comida Búlgara? veja o nosso guia completo aqui

#33 Os búlgaros deve adorar café… quer dizer, imagino que não consigam sobreviver sem ele dada a quantidade de máquinas de vender café que existem espalhadas pelo país. Estão em todo o lado, e são muito baratas! Parecem os portugueses…

#34 Uma coisa que apreciei bastante nos restaurantes búlgaros é que nos menus aparece o peso da refeição. Isto é muito útil para os turistas, pois é mais fácil perceber se estamos a pedir ou não comida a mais. Especialmente porque normalmente é tão barato que se poderia assumir que seriam pequenas quantidades… Normalmente estaríamos errados..

Quanto custa viajar na Bulgária?

#35 A moeda oficial da Bulgária é o Lev (BGN), mas muitos negócios têm preços em Euros e podem até aceitar euros a uma taxa de câmbio razoável. É uma questão perguntar simpaticamente antes de fazer as compras. O Lev tem uma taxa de câmbio fixa com o Euro de 1.95583 LEV = 1 Euro.

É bastante fácil levantar dinheiro nos multibancos or trocar num dos milhares casas de câmbio.

#36 É caro viajar na Bulgária? A Bulgária é o país mais barato da União Europeia e o país Europeu mais barato onde nós já viajamos. Um casal pode perfeitamente gastar menos de 40 Euros por dia.

South Beach of Nessebar, Bulgaria

#37 Isto acontece porque praticamente tudo é barato na Bulgária… na realidade não me consigo lembrar de nada que tenha um preço acima da média na Bulgária.

A comida e os hotéis são extremamente baratos, a gasolina é bem mais barata que na maioria dos países desenvolvidos e que em Portugal. Até as atrações turísticas são muito baratas ou até mesmo grátis (como o mosteiro de Rila).

#38 Normalmente aconselhamos os viajantes a comprar comida nos supermercados e para depois cozinhar. Na Bulgária sinceramente faz pouco sentido, e sobretudo é desnecessário pois os restaurantes são realmente baratos. No entanto, se ainda assim quiser cozinhar, notem que os supermercados conseguem ainda ser mais baratos.

Visit Sozopol Bulgaria

#39 A maioria das lojas, restaurantes e bares aceitam cartões de crédito e de débito, mas aconselhamos que traga sempre consigo alguns LEV para evitar surpresas, até porque a algumas atrações turísticas não aceitam cartões.

Para além disto, não há custos de levantamento nos multibancos da bulgária, mas notem que poderão sempre para custos bancários ao seu banco, nomeadamente custos de levantamento no estrangeiro e em moeda estrangeira.

Krushuma Waterfalls, Attractions in Bulgaria

#40 Finalmente, e para reforçar a ideia de que a Bulgária é realmente barata, nós sentimo-nos constantemente na necessidade dar gorjetas pois achávamos as coisas demasiado baratas para a qualidade. Notem que somos normalmente muito poupadinhos e não gostamos nada da cultura da gorjeta que existe em alguns países.

Como viajar na Bulgária?

#41 Os transportes públicos são razoáveis, especialmente se tivermos em consideração que este é o país mais pobre da UE. A rede de ferroviária é longa e chega a todas as grandes cidades e praticamente todas as menores. Além das ligações internas, também existem ligações ferroviárias aos países vizinhos. No entanto, os comboios são bastante lentos. Caso tenha tempo, é uma opção muito boa, caso contrário, o melhor será mesmo alugar um carro e viajar mais rapidamente.

Nota importante: Algumas das estações menores não vendem bilhetes internacionais, apenas internos. 

#42 Dentro de Sofia é perfeitamente possível utilizar apenas transportes públicos e caminhar. No entanto, devemos notar que caso tenha uma viatura Sofia é das cidades grandes onde é mais fácil estacionar.

Devem notar que a Uber e similares não trabalham na Bulgária.

The bosphorus express Bulgaria

#43 Caso não tenha tempo suficiente, e queira visitar alguns destinos mais remotos à volta da Bulgária, alugar um carro é certamente a melhor opção. Até porque alugar uma viatura é relativamente fácil e bastante barato. Nós alugamos um carro por 160 Euros por semana, já com seguro incluído.

Visit Prohodna Caves, Bulgaria

#44 Alugar uma viatura e conduzir num país estrangeiro pode ser bastante estressante mas a nossa experiência na Bulgária foi bastante agradável. Os condutores na Bulgária conduzem relativamente bem, bastante diferente dos Georgianos e dos Armênios, por exemplo. São um pouco apressados e impacientes nas cidades maiores mas isso acontece em praticamente todo o lado, actualmente.

Outra questão positiva é que nunca apanhamos engarrafamentos, nem sequer nas maiores cidades ou junto às praias. Talvez tenhamos tido sorte, mas a verdade é que tornou tudo muito mais agradável.

What to do in Plovdiv, Bulgaria

#45 Um dos principais pontos negativos de conduzir na Bulgária é que as estradas são bastante más – não tão más como na Arménia, mas é mau sinal quando esse é o nosso ponto de comparação… Mas mais seriamente, tenham atenção às condições das estradas porque podem existir buracos em qualquer lugar e isso torna-se perigoso.

#46 De qualquer das formas deixamos algumas notas importantes sobre a experiência de condução na Bulgária:

  • Muitas estradas não têm marcações, o que é um pouco estranho…
  • Mais estranho ainda é a ausência de sinais de trânsito com os limites de velocidade… é perfeitamente normal passar horas sem ver um sinal desses
  • Caso vá à Bulgária com viatura própria é obrigatório comprar uma vinheta que custa 7 a 8 Euros por uma semana. Notem que esta vinheta é obrigatória para qualquer estrada, não apenas para auto estradas como na Suíça e Áustria! Existem imensos sinais a avisar sobre isto.
  • Não é possível comprar a vinheta via internet, mas sim na fronteira e nas estações de serviço.
  • Não existem portagens nas autoestradas da Bulgária. As únicas portagens que existem são nas pontes sobre o rio Danúbio, a New Europe Bridge e a Danube Bridge que ligam a Bulgária e a Roménia.
What to visit in Bulgaria, Veliko Tarnovo
Veliko Tarnovo

#47 Estacionar é normalmente um pesadelo para quem viagem de carro, especialmente quando se chega aos centros históricos ou a zonas muito turísticas. Mas na Bulgária foi sempre relativamente fácil e até barato. A maioria dos locais têm estacionamento grátis e quando não era grátis era muito barato. Além do mais, encontrar um lugar livre foi sempre bastante fácil.

Outra informação geral sobre viajar na Bulgária

#48 Não deverá ter qualquer problema para ter internet na Bulgária. A maioria dos restaurantes, bares e hotéis têm WIFI grátis para os clientes. Além disso, se tiver um cartão sim de um país da UE (português por exemplo) poderá usá-lo livremente (com mesmo tarifário) na Bulgária, tanto para chamadas como para dados.

Top attractions of Bulgaria, Stone Forest

#49 Que vacinas são necessárias para ir à Bulgária? Não existe qualquer vacinação obrigatória para poder entrar na Bulgária, mas há algumas que são recomendadas. A organização mundial de saúde aconselha tomar vacina contra a hepatite A, hepatite B, raiva e gripe.

#50 A nossa última dica de viagem para a Bulgária é: compre local. É mais barato e irá ajudar diretamente a economia local. Um das melhores forma de comprar local na Bulgária é comprar aos vendedores que estão na beira da estrada a vender fruta, vegetais, mel, frutos secos, etc…

Ainda se lembram do que dizíamos dos ingredientes na Bulgária? São muito saborosos. Acredite que não se irá arrepender.

What to do in Sofia

Guias de viagem recomendados para a Bulgária

Sharing is caring!

shares